7 dicas para potencializar suas vendas em 2020!

É difícil encontrar quem esteja satisfeito com os seus resultados de vendas. Compreensível, afinal, quem não pensa em crescer acaba ficando estagnado, o que é péssimo para qualquer negócio.

Olhando especificamente para o setor de e-commerce, há outro fator que deve ser considerado: a necessidade de estabelecer um relacionamento mais próximo com o público, para manter a marca sempre em evidência.

Isso vale tanto para o trabalho de ativação de novos clientes, como para as ações que visam elevar o faturamento junto aos consumidores fiéis da operação.

Não se engane. É alta a concorrência pela atenção do usuário na internet, até mesmo em razão do crescimento que o setor de e-commerce tem registrado nos últimos anos. 2019 foi o terceiro ano seguido com aumento na casa dos dois dígitos.

No entanto, para não perder negócios, é importante que os gestores implementem estratégias durante todo o ano para ajudar a potencializar as vendas.

Separamos para este artigo algumas iniciativas que costumam gerar bons resultados para quem faz vendas pela internet. Confira!

1. Direcione sua loja para a conversão

Não adianta ter um planejamento todo detalhado para o ano se a sua plataforma de e-commerce não tiver foco em conversão.

Ter à disposição os recursos adequados faz muita diferença para garantir a melhor experiência de compra para o cliente, ao mesmo tempo em que facilita o dia a dia da equipe, permitindo que ela se dedique ao que realmente importa: a satisfação do cliente.

Para não errar na hora da contratação, fique atento a esses aspectos:

Checkout inteligente

O consumidor hoje quer agilidade, então, é importante facilitar a sua navegação. Atente, por exemplo, para a importância do login social.

Usabilidade

Vários fatores devem ser considerados nesse item, mas o principal é assegurar que o cliente encontre com facilidade tudo o que procura. Tenha em mente que a experiência deve ser intuitiva.

Integração com outras soluções

A tecnologia tem evoluído muito na área de e-commerce, portanto, é fundamental trabalhar com um sistema de vendas que facilite a integração com outras ferramentas.

Meios de pagamento, certificados de segurança, logística, enfim, é extensa a lista de soluções que podem aprimorar a experiência de compra online.

Plataforma omnichannel

Ao avaliar as opções disponíveis, certifique-se de escolher uma plataforma omnichannel. No dia a dia, isso vai representar mais oportunidades de vendas, uma vez que o seu cliente poderá optar entre loja física (se for o caso), site, mobile, redes sociais, aplicativos de mensagens ou mesmo marketplaces.

2. Aprimore o uso de dados

O uso de dados para direcionar suas estratégias tem um peso fundamental no seu negócio. Por isso, redobre a atenção na análise das informações sobre a movimentação dos seus clientes.

O ideal é atuar com uma plataforma que dê os subsídios necessários para acompanhar o comportamento e a jornada de compra do seu consumidor.

Para isso, é preciso ter acesso aos relatórios de melhores clientes, funil de compras, novos clientes mensais e comparativos por faixa etária e sexo.

Os relatórios de carrinhos abandonados também ajudam bastante nesse tipo de trabalho, viabilizando análises mais detalhadas e, com isso, agilizando o processo de tomada de decisão.

Quanto mais informações, melhor, não apenas para a gestão de vendas, como para a equipe de marketing.

3. Cuide da comunicação

Num mercado mais concorrido, não basta ter o melhor produto do mercado ou mesmo a oferta mais adequada. O público precisa ser devidamente comunicado sobre os seus diferenciais.

Principalmente para o e-commerce, faz todo sentido que a maior parte dos investimentos seja direcionada para o marketing digital. O ideal, nesse caso, é contar com o apoio de mão de obra especializada.

Agências de comunicação especializadas em e-commerce, por exemplo, poderão ajudar na execução das atividades no dia a dia, além de fornecer o suporte necessário na hora do planejamento.

Lembre-se de que os seus esforços na área de comunicação podem contemplar ações na mídia paga, além de outras atividades, como as estratégias de marketing de conteúdo e os investimentos em redes sociais.

4. Crie estratégias de fidelização

Potencializar as vendas do e-commerce não depende apenas da atração de novos clientes. É importante valorizar aqueles que já estão na casa.

Especialmente no comércio eletrônico, diversas iniciativas podem ser adotadas para melhorar o relacionamento do público com a sua marca. Ações simples, como as campanhas de e-mail marketing, podem render excelentes resultados, desde que bem executadas.

O principal, nesse caso, é desenvolver ações personalizadas, de acordo com o estágio do cliente na jornada de compra. (Se ainda tem dúvidas de como trabalhar isso, baixe agora nosso Manual Definitivo da Jornada de Compra).

5. Realize promoções

Manter a loja ativa durante todo o ano exige atenção com as ações promocionais. Não tem segredo, todo mundo gosta de saber que conseguiu condições especiais para adquirir determinado item.

Entre as opções que podem ser usadas pelas lojas virtuais, destacam-se:

— distribuição de amostras grátis;

— realização de concursos;

— promoção de vendas imediatas, apostando no senso de urgência;

— cupons de descontos;

— oferta de combos de produtos;

— cupons de desconto.

6. Explore os recursos da sua plataforma

A oferta de cupons de desconto, citada acima, é uma das alternativas que podem ser empregadas com facilidade usando os recursos das plataformas de e-commerce.

Na JET NEO, por exemplo, o cliente pode fazer a configuração desse tipo de promoção com apenas alguns cliques.

Outro ponto que precisa ser bem aproveitado é o espaço para a descrição dos produtos. Parece um mero detalhe, mão não é. Daí a importância das plataformas SEO friendly, com controle total do código front-end.

A escolha correta dos termos faz muita diferença para a navegação do cliente pelo site e tem influência também nos resultados de divulgação da marca.

Lembre-se de que a geração de tráfego na internet depende do ranqueamento nos motores de busca, por isso, é importante aplicar as técnicas de SEO na descrição de produtos.

7. Faça parcerias

No ambiente digital, ficou mais fácil para as empresas fecharem acordos com outras empresas para ações cooperadas.

Estude com atenção como você pode aplicar isso na sua operação, tanto para melhorar sua oferta de produtos, como para aprimorar os serviços oferecidos aos clientes.

Ao avaliar os fornecedores que podem se tornar parceiros da sua loja, fique atento à reputação deles. Avaliar bem as suas credenciais é primordial, uma vez que a sua imagem estará atrelada à qualidade daquela empresa.

Como você viu, é possível desenvolver ações para potencializar suas vendas durante todo o ano. O mais importante, então, é conseguir se organizar para antecipar-se às demandas do seu público.

Gostou do artigo? Quer mais dicas para turbinar suas vendas em 2020? Confira nosso artigo Customer Experience. Entenda sua importância para impactar a jornada de compra do seu cliente.

Posts relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *