5 ideias de promoções para alavancar as vendas!

ideias de promoções

Com a concorrência mais acirrada entre os e-commerces, é natural que os gestores saiam em busca de estratégias para chamar a atenção dos consumidores, aquecer as vendas.

Felizmente, o que não faltam são boas ideias de promoções que funcionam para o e-commerce.

Porém, antes de executar as ações, é importante definir bem os objetivos de cada iniciativa e planejar-se. No dia a dia costumamos pensar nas estratégias promocionais visando o aumento de vendas, mas elas têm um papel importante também na captação de clientes e para ampliar o alcance da marca.

Neste artigo, você vai encontrar algumas ideias de promoções para implementar agora na sua loja. Acompanhe!

Promoções no e-commerce: por que investir nessas iniciativas?

Antes de detalharmos quais estratégias promocionais funcionam no e-commerce, é importante avaliar a relevância dessas ações para o seu negócio.

O comércio eletrônico tem mantido nos últimos anos o ritmo de crescimento. Para se ter ideia, a expectativa é que o comércio eletrônico feche 2018 com vendas de R$ 53,4 bilhões, alta de 12% em relação aos R$ 47,7 bilhões registrados em 2017. O número de pedidos deverá crescer 8%, atingindo a marca de 120 milhões, e o tíquete médio deve ter alta de 4%, chegando aos R$ 445.

Esses dados da 38ª. edição do Webshopper são positivos, porém, também revelam que a concorrência se torna mais acirrada entre as lojas e que o e-consumidor tem cada vez mais opções no ambiente online.

Para atrair a atenção do público, então, é preciso investir. Primeiro, na oferta da melhor experiência possível para o usuário. Daí a necessidade de se avaliar muito bem as soluções disponibilizadas pelas plataformas de e-commerce.

Além de recursos que favoreçam a conversão da loja, é imprescindível contar com boas ferramentas de gestão. É a partir delas que a equipe terá condições de organizar melhor o fluxo de trabalho, incluindo as ações de marketing.

Para não ter surpresas desagradáveis na hora da implantação, certifique-se de que a plataforma está preparada, por exemplo, para fazer o cross selling ativo. Na prática, isso quer dizer que, a partir da relação de produtos, a loja tem como trabalhar com “compre junto”, “produtos relacionados” e “quem comprou também comprou”.

Essas opções, combinadas com às integrações com as ferramentas do Google e do Facebook, permitem muito mais eficiência na gestão de promoções.

 

Quais ideias de promoção funcionam para e-commerce?

1- Datas festivas

Não duvide da importância das datas festivas. Elas funcionam como um chamariz na geração de tráfego e, quem souber trabalhar as promoções, consegue tirar bom proveito dos eventos para promover o aumento das vendas.

Para não perder as oportunidades, é essencial ter um planejamento adequado para cada data comemorativa. Organizando-se com antecedência é possível criar apelos diferenciados para comunicar as promoções e também preparar o estoque.

O consumidor precisa entrar no clima da ação, por isso, invista em banners específicos e invista na divulgação das iniciativas via e-mails e posts nas redes sociais.

Na escolha dos produtos que serão incluídos na ação promocional, procure sempre manter a aderência com o tema. Além das datas mais conhecidas (Natal, Dia das Crianças, Black Friday etc.), vale analisar as demais opções do calendário promocional. É difícil não encontrar algo que tenha tudo a ver com a sua loja!

Como inspiração, confira este calendário de ideias de conteúdo feito pelo Pinterest.

2- Cupons de desconto

As promoções com cupons de descontos são as mais fáceis de implantar, por isso são usadas com bastante frequência no comércio eletrônico.

Algumas dicas para que essas ações funcionem:

– Estabeleça (e cumpra) os prazos de cada cupom;

– Ofereça vantagens exclusivas para os clientes escolhidos;

– Além de descontos nos produtos, avalie ofertas diferenciadas, como a de frete grátis;

– Defina metas para a promoção, uma vez que assim fica mais fácil mensurar o resultado.

3- Dias temáticos ou promoção do dia

Essa estratégia vem sendo usada com sucesso por redes alimentícias, e vale a pena implementar no e-commerce. A proposta é escolher um dia da semana para destacar determinado produto.

O planejamento da mecânica depende do ramo de negócios, porém, lembre-se que o objetivo é aquecer as vendas de um item específico. Assim, se tem um e-commerce de moda, vai estabelecer que toda terça-feira é dia da camiseta. Se atua com produtos de beleza, pode definir que toda sexta é dia de tratamento de cabelo.

Nesse caso, em vez de ações promocionais aleatórias, concentrará sempre nesses dias as promoções de cada categoria, procurando estimular o consumidor.

As ofertas precisam ser interessantes para o cliente. O objetivo é que ele entenda a mecânica e, a partir daí, deixe para fazer as compras daquele tipo de mercadoria naquele dia.

E são altas, também, as chances de você conseguir gerar também vendas por impulso. O “senso de urgência” é um gatilho mental importante. O cliente não estava pensando em adquirir o item, mas pode ser seduzido pelo fato de ter encontrado a promoção.

4- Vendas casadas

As ações de cross selling e up selling são importantes para as lojas virtuais. Além de incentivar a venda, funcionam bem para gerar aumento do ticket médio.

No up-selling, a proposta é justamente sugerir uma compra mais completa, a partir da oferta de um produto similar, porém, com maior valor agregado.

No cross-selling o objetivo é a venda complementar, pensando em itens que possam interessar o usuário naquele momento.

A combinação dos itens faz muita diferença para os resultados desse tipo de promoção, portanto, estude bem as opções. O ideal é fazer um planejamento de acordo com a disponibilidade do estoque.

Como chamariz você pode incluir o item que é o carro-chefe da loja, mas a venda deve ser combinada com aquela mercadoria que não tem registrado um giro adequado.

Geralmente essas ideias de promoções dão certo também para incrementar as vendas nos períodos de baixa demanda. Nessa situação, vale investir também nas ações do tipo “pague 2, leve 3” ou naquelas que dão um desconto a partir da 2ª. peça.

5- Carrinhos abandonados

Se o objetivo é atuar com estratégias que ajudem a melhorar a performance do e-commerce, não podemos deixar de analisar os relatórios de carrinhos abandonados.

Esse é um ponto crítico para o comércio eletrônico, uma vez que as taxas costumam ser elevadas. Para minimizar o problema, é essencial ter uma plataforma de e-commerce focada em conversão.

Na prática, isso quer dizer que ela precisa de soluções que facilitem o checkout, como possibilidade de login social e auxílio visual no preenchimento dos dados do cartão de crédito.

Do ponto de vista operacional esse tipo de ferramenta costuma ajudar bastante. Porém, ao planejar as suas ações promocionais, certifique-se de programar iniciativas específicas para os clientes que não finalizaram a compra.

Nesse caso, o objetivo é entrar em contato com o usuário e tentar reforçar o apelo de venda. Cupons de desconto são úteis, assim como comunicações específicas sobre os benefícios que o cliente obterá com aquela mercadoria.

Como mostramos neste artigo, existem diversas ideias de promoção de vendas que podem ser adotadas no e-commerce. Para não errar, defina os objetivos de cada iniciativa e segmente. O consumidor hoje é exigente, demanda tratamento personalizado.

Quer mais dicas para aprimorar suas estratégias? Baixe agora o nosso e-Book Promoções no e-commerce: o guia para você saber como fazer.


Postado em Destaque

CONTINUE ACOMPANHANDO NOSSAS NOVIDADES AQUI NO BLOG!
SAIBA MAIS SOBRE AS SOLUÇÕES DA JET E-BUSINESS:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *