Indicadores para medir a eficiência do e-commerce

Gabriel Lima, da e-Next, levou para o Fórum E-commerce Brasil 2015 um estudo profundo feito com a base de clientes da empresa que mostra claramente como estruturar campanhas, criar KPIs e aumentar suas taxas de conversão.

A premissa é: o marketing no e-commerce se tornou uma questão de analisar métricas permanentemente para aperfeiçoar cada vez mais os negócios.

linha do tempo do e-commerce brasileiro

No começo das operações no Brasil (2000 a 2009), o marketing era barato e muito eficiente. Entre 2009-2014, segundo o executivo, vivemos a era dos problemas – e investimentos – com logística. Neste último período, vivemos a era das métricas e desempenho. Agora é importante acompanhar cada detalhe de seu negócio atento aos indicadores. O aumento da competitividade, multiplicação de canais (tanto para venda como para o marketing) é resultado da complexidade da operação que exige pensamento analítico.

Outra questão levantada foi a forma como os brasileiros tomam suas decisões. Somos, segundo o modelo Lewis, multi-ativos, pessoas que fazem muitas coisas ao mesmo tempo e não agem de acordo com uma agenda e sim de acordo com o momento. As decisões são tomadas com nossos julgamentos.

Estudo das personalidades: Lewis Model

Indicador número um: taxas de aprovação

Taxa de aprovação

O primeiro indicador importante é a taxa de aprovação. Como ela se comporta em cada plataforma, categoria, canal? A partir da pesquisa da e-Next é possível fazer uma avaliação profunda do e-commerce nacional e como ele tem tratado seu cliente.

Clique nas imagens a seguir para ampliá-las:

Indicador número dois: análise cohort da recompra

Análise cohort: recompra

A expressão em estatística fala de um grupo de pessoas que compartilham um comportamento num período de tempo. Com esta análise é possível descobrir o engajamento dos clientes – que define, objetivamente, o valor do seu negócio.

análise do engajamento no e-commerce

Clique nas imagens a seguir para ampliá-las:


As taxas de recompra no Brasil são muito baixas quando comparadas com as taxas gerais dos Estados Unidos. É um item que pode ser trabalhado pelo e-commerce para aumentar a conversão e trazer de volta o cliente – e, em geral, fica esquecido na correria da operação diária.

Pronto, agora que você já conheceu os indicadores que ajudam a analisar a sua operação, use-os para lucrar mais e melhor.

Fotos: Lucia Freitas, Conectiva, para a JET

Posts relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *